Blog do Estúdio BIM

Aumentando a Eficiência Energética da Edificação através do BIM

O Projeto Horizonte 2020 está transformando o BIM em uma “via rápida de informação de edifícios” para trabalhos mais rápidos em eficiência energética. Eugenio Quintieri, da Confederação Europeia dos Construtores, e Sue Arundale, da Federação Europeia da Indústria da Construção, descrevem como vai funcionar.

Sabe-se que os edifícios são responsáveis por aproximadamente 40% do consumo final de energia e 36% das emissões de CO2 na União Europeia. Os edifícios residenciais, em particular, constituem mais de 75% da área total do parque imobiliário existente, o que significa que a melhoria da renovação dos edifícios pode, portanto, contribuir para uma redução significativa do consumo de energia em toda a União Europeia.

Ao mesmo tempo, o Building Information Modeling está sendo cada vez mais utilizado em projetos de renovação em toda a Europa, demonstrando ser viável em projetos-piloto inovadores. Como um breve lembrete, o BIM combina métodos de trabalho e um modelo digital 3D para permitir o compartilhamento de informações confiáveis ao longo da vida de um edifício ou infraestrutura, desde o projeto até a demolição.

Os objetivos da UE em matéria de eficiência energética não serão alcançados se não forem tomadas iniciativas importantes e eficazes na indústria da construção, especialmente no domínio da computação. Com 3 milhões de empresas e 18 milhões de trabalhadores representando cerca de 9% do Produto Interno Bruto da UE, essas iniciativas podem ter um impacto importante.

A otimização da eficiência energética das casas e edifícios em que vivemos e trabalhamos pode ser melhorada através da utilização de técnicas e métodos especializados, como o BIM, que podem melhorar o desempenho energético, não só do setor da construção, mas também da sociedade europeia como um todo.

Com o objetivo de contribuir de forma decisiva para o desempenho energético dos edifícios residenciais, a missão da BIM-SPEED é levar o “BIM a um novo patamar”, a fim de alcançar pelo menos 60% de economia de energia, acelerando o mercado em toda a UE ao mesmo tempo.

O BIM-SPEED visa permitir que todas as partes interessadas na construção adotem ferramentas e métodos BIM, fornecendo uma plataforma de nuvem BIM acessível, um conjunto de ferramentas interoperáveis e procedimentos padronizados para aquisição de dados, modelagem, simulação, implementação e manutenção de soluções de renovação.

Dando atenção especial às partes interessadas como um fator-chave de sucesso para a adoção do BIM, o BIM-SPEED se baseia em uma abordagem multidisciplinar que inclui processos, TIC e inovação social. Interoperabilidade é uma palavra chave para os parceiros da BIM-SPEED. Queremos desenvolver uma gama completa de ferramentas BIM para renovação que serão hospedadas em uma plataforma inovadora de nuvem BIM, que será lançada e estará disponível gratuitamente para todos os interessados imediatamente desde o início do projeto BIM-SPEED.

Aquecimento, ventilação e ar condicionado (HVAC) também são palavras-chave, uma vez que a BIM-SPEED irá projetar uma integração perfeita e instalação rápida de produtos de construção e HVAC para renovação dos edifícios existentes; na verdade, essas soluções “plug-and-play” são cruciais para a meta geral de redução de tempo.

Por outras palavras, o BIM-SPEED tem por objetivo acelerar a melhoria da eficiente de energia dos edifícios residenciais em toda a UE, através da implementação de soluções BIM de última geração, com um impacto real no desempenho energético dos edifícios. Através de ferramentas e metodologias inovadoras de BIM, este projeto visa facilitar processos de renovação profunda, em menor tempo, com custos reduzidos, melhor qualidade e melhor desempenho.

Considerando que a maioria dos projetos de renovação de edifícios residenciais são realizados por PMEs na Europa, é importante equipá-los com as habilidades e ferramentas certas. Neste contexto, o apoio especial às PMEs de construção, que compõem a esmagadora maioria das empresas do nosso setor, é extremamente necessário. Por esta razão, o BIM-SPEED apresentará as suas soluções holísticas em 12 casos reais de demonstração ao longo da duração do projeto de quatro anos, com foco no envolvimento das PME.

Para cumprir sua missão, sob a liderança da Universidade Técnica de Berlim, o BIM-SPEED reunirá universidades (Universidade Politécnica de Marche e Universidade Erasmus de Roterdã), principais organizações europeias da indústria da construção civil (EBC, FIEC, Conselho de Arquitetos da Europa e REHVA ), centros de pesquisa e tecnologia (CSTB , Centro Tecnológico CARTIF , Planen Bauen 4.0), empresas de P&D ( consultores de DEMO, Hochtief ViCon, CYPE Soft, Stress, Arcadis Romênia, Spies arquitetônicose LKS Ingeneria), empresas de construção (UN Studio, FASADA, Mostostal Warszawa e Metabuild) e uma empresa do setor público (Visesa).

Para harmonizar as melhores práticas da UE em BIM, este projeto beneficiará igualmente o envolvimento dos parceiros na plataforma de normalização BuildingSmart, no Grupo de Trabalho BIM da UE e nos Small Business Standards, a organização europeia que representa as PME na comunidade de normalização.

Um esforço colaborativo para uma transformação digital eficiente é crucial. É por isso que a EBC também conectará este projeto a outras iniciativas nas quais a organização está profundamente envolvida, como o projeto Horizonte 2020, ferramentas e tecnologias baseadas em BIM para uma renovação rápida e eficiente de edifícios residenciais – BIM4REN e projetos Erasmus +, para troca de experiências e desencadear potenciais atividades de clustering.

A EBC e a FIEC, bem como o ACE (Conselho dos Arquitetos da Europa) e a REHVA (Federação das Associações Europeias de Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado) serão essenciais para o desenvolvimento deste projeto, nomeadamente proporcionando orientação política a nível europeu e resultados do projeto entre seus membros com diretrizes de implementação e planos de negócios.

Artigo traduzido (link)

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp