Blog do Estúdio BIM

As novas ferramentas para Estruturas no Revit 2022

Depois do ano mais incomum que muitos de nós já experimentamos, a nova versão do Revit 2022 será o amanhecer de um ano mais brilhante.

Nesta revisão, daremos uma olhada nos novos recursos e melhorias estruturais e também falaremos sobre as ferramentas de plataforma muito importantes que sustentam a plataforma Revit 2022.

Diferentemente da versão do ano passado, essa atualização trás novidades sensacionais para a parte de modelagem de estruturas metálicas (aço) e que podem ser aplicados no dia a dia.

Isso é significativo e destaca que a Autodesk está começando a melhorar as ferramentas principais que, é claro, beneficiarão muitos setores da indústria. Vamos começar examinando algumas dessas melhorias básicas.

Novos recursos da plataforma

Agora você pode criar paredes cônicas que são úteis ao trabalhar com estruturas de contenção. Você pode definir um ângulo interno e externo para a parede, que permanecerá consistente quando as paredes tiverem alturas e níveis diferentes.

o exemplo abaixo, um muro de contenção foi modelado e reforçado para um estacionamento.

Alguns anos atrás, a Autodesk adicionou níveis 3D que podiam ser vistos e editados no modelo 3D. Esta foi uma adição muito bem-vinda, mas o que realmente precisávamos era de eixos 3D. Eles chegaram agora com o Revit 2022! Eles têm uma aparência muito semelhante aos níveis e podem ser editados na visualização 3D.

Isso é ótimo quando você precisa estender grades no plano vertical; anteriormente, você precisaria fazer isso em uma seção ou elevação. Isso é ainda mais útil quando você precisa estender grades curvas ou inclinadas.

Conforme mencionamos no último post sobre as atualizações do Revit 2022 para Arquitetura, um ótimo recurso novo é o suporte nativo para exportar PDFs e nomear as folhas com base em um conjunto de parâmetros. Pense no problema abaixo com a nomenclatura da folha (ISO19650) e as referências de vista do Revit, como marcadores de seção e elevação.

Agora podemos exportar as planilhas como PDFs e automatizar a nomenclatura com base nas regras de nomenclatura. Na imagem abaixo, você pode ver que foi utilizada uma série de parâmetros compartilhados da visualização e do projeto para formar a convenção de nomenclatura de planilha! Um recurso muito bem-vindo.

Em um tema semelhante, as revisões geralmente podem causar problemas quando você precisa combinar um estágio de revisão com um número. Por exemplo, alguns desenhos podem estar em estágios preliminares e outros em estágio contratual. Agora temos a capacidade de criar várias estratégias de numeração e usá-las para várias revisões.

Você pode então atribuir a sequência de numeração relevante a cada revisão, conforme necessário. No exemplo abaixo, você pode ver a tabela de revisão mostrando as revisões preliminares e contratuais e a revisão atual exibida no canto inferior direito do bloco de título.

A fase agora pode ser adicionada a um filtro nas substituições de visibilidade / gráfico. Isso é muito importante quando você precisa criar visualizações específicas, ocultar elementos específicos criados em fases anteriores ou simplesmente exibir elementos em cores diferentes com base em fases. Um ótimo recurso para empreiteiros!

Ao criar tabelas, você pode usar filtros para reduzir o número de parâmetros que você tem que percorrer, isso é muito significativo e agiliza o processo de criação de tabelas conforme mais e mais parâmetros compartilhados são adicionados às famílias.

Por falar em tabelas, agora podemos dividi-las em folhas, conforme também já comentamos no post anterior sobre as novidades do R22 para arquitetura. Anteriormente, se eu quisesse criar uma tabela de dobra do aço para cada folha, precisaria usar parâmetros compartilhados e uma série de filtros para criar tabelas separadas’ para cada folha. Agora posso simplesmente dividir as tabelas e colocá-las nas pranchas relevantes.

Uma vez que as tabelas são divididas, você verá as seguintes divisões ‘de subcategoria’ no navegador do projeto, você pode simplesmente arrastar a tabela ‘filha’ relevante para a prancha.

Agora há suporte para vários tags e anotadores, esta nova ferramenta permite que vários elementos sejam marcados com vários anotadores e também é possível recuperar a quantidade!

Basta adicionar novos hosts à tag que vários anotadores são incluídos automaticamente, assim como a contagem é produzida. Observe que as propriedades da instância da tag exibirão a contagem do host.

Conexões de Aço

A cada ano, a Autodesk continua a desenvolver a funcionalidade de conexão de aço, permitindo que os projetistas modelem conexões com base em macros padrão ou criem conexões personalizadas. No Revit 2022, agora você pode criar faixas de aplicabilidade que levarão ao uso de conexões padronizadas.

Por exemplo, uma placa de base com as dimensões de 450 x 450 x 25 pode ser aplicável para uso em uma coluna UC, uma coluna SHS ou certas seções CHS. A conexão também pode ser selecionada com base nas forças e materiais finais do membro.

Esta nova funcionalidade será útil ao adicionar conexões simples (conexões fixadas) que são selecionadas. Atualmente, as conexões podem ser aplicadas ao modelo com o uso do Dynamo ou Dynamo Player que adiciona as conexões a partir de uma biblioteca de conexões.

Outra melhoria foi feita na categoria de conexões estruturais que permite ao usuário definir materiais padrão para placas e perfis na caixa de diálogo Estilos de objeto. Isso é muito mais rápido do que alterar individualmente cada elemento.

Ainda há muitas funcionalidades de conexão codificadas e bibliotecas que dependem dos bancos de dados do Autodesk Advance Steel. Além disso, precisaremos da capacidade de produzir documentação de fabricação e código NC a partir do modelo.

Essas questões precisarão ser abordadas para detalhar uma estrutura metálica e fazer com que os fabricantes se interessem pelo Revit como uma ferramenta de detalhamento. Tenho certeza de que essas ferramentas e funções serão abordadas em versões futuras.

Concreto Armado

As ferramentas de detalhamento de concreto armado ainda estão na mira dos programadores nesta última versão, permitindo alguns novos fluxos de trabalho e recursos de modelagem. Nesta versão, agora podemos modelar a barra de estribo escolhendo dois pontos e também podemos mover a armadura em um conjunto.

Vejamos primeiro a modificação de armaduras em um conjunto. Barras individuais dentro de um conjunto de armadura agora podem ser modificados movendo, girando ou excluindo as barras. Isso é muito útil quando os links ou barras estão em conflito com outros elementos.

No exemplo abaixo, temos um tubo de drenagem fundido em uma viga de aterramento. Agora podemos simplesmente mover os estribos, para que não colidam. Isso é muito útil para áreas altamente congestionadas onde os espaçadores de aço precisam entender exatamente onde colocar as barras individuais.

Você simplesmente seleciona um conjunto de estribos e verá a faixa exibida abaixo. Aqui, você pode editar barras, remover barra ou redefinir ar armadura para seu estado padrão.

O estribo agora pode ser colocado por dois pontos. Isso é muito útil quando você deseja colocar links em pares, conforme mostrado na imagem abaixo. O método padrão usado é expandir para a cobertura, o que é útil para certas barras, mas não para os links no meio da viga!

O novo método simplesmente permite que você escolha dois pontos e a forma é criada.

Uma variedade de novas dicas de ferramentas também é exibida diretamente no seu cursor, o que é muito útil ao aprender o Revit pela primeira vez. Para usuários mais experientes, essas dicas de ferramentas agora podem ser desativadas.

Você também pode ver que as opções de posicionamento vertical e horizontal também foram reformuladas.

Conclusão

Em resumo, o lançamento do Revit 2022 foi ótimo para as novas ferramentas da plataforma que a maioria de nós acabará usando diariamente. Recursos como eixos 3D, marcação, revisões e exportações de PDF são muito bem-vindos, e é ótimo ver a Autodesk se concentrando nessas ferramentas fundamentais. Como já foi dito, são ferramentas utilizadas diariamente por todos os usuários.

As ferramentas de reforço continuam a se tornar cada vez mais úteis e agora tornam mais simples adicionar e editar armaduras nas formas de concreto simples e complexas. Além disso, agora podemos produzir visualizações 3D detalhadas mostrando exatamente como nossas barras devem ser fixadas.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp